Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

quarta-feira, 28 de março de 2012

Não seja um selvagem para seu animal

Eu já tive cachorros. Aliás, vários animais de estimação.

Desconheço informações se é saudável um cachorro
seguir o ritmo acelerado do seu dono ciclista.

Não sei se este foi o caso, mas ontem, à noite, ao passar a pé
na calçada do Jardim de Alah (RJ), vi um grupo parado:
pessoas, bicicletas e cães.
De longe notei algo grande no chão.
Era um enorme labrador, com aparência de idoso, morto no chão.  
Não parecia ter sido vítima de um atropelamento.  
A primeira coisa que me veio na cabeça era a probabilidade de
ter sofrido um ataque cardíaco.

Se era isso ou não, não irei pesquisar.  
Só que ao ver as bicicletas, logo lembrei do que desaprovo. 

Eu queria chorar por ele, meu coração deu um nó, mas tive que fingir 
que era apenas um grupo de amigos conversando, nada mais,
visto que eu estava acompanhada de minha filha e disfarcei ...

Algumas vezes tratamos nossos pets como se fossem humanos, 
assim como nós, eles também tem suas limitações.
De qualquer maneira, aquele foi o dia dele partir.

Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails Related Posts with Thumbnails

26 comentários:

  1. Eu confesso que não ligava muito para os animais, achava absurdo o carinhos enorme de certos donos pelos seus pets. Mas isso mudou quando ganhei meu cachorro ano passado, hoje eu sou como aqueles donos de pets que eu não compreendia, o que é muito irônico.
    Hoje eu entendo que aqueles animais frágeis tem sentimentos.
    Parabéns pelo texto.
    Abç

    adraftbox.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. @Jason S. Krueguer: Jason, eles tem sentimento sim. Nos reconhecem pela voz, de longe... e ficam tão felizes ao nos ver. Então, cuidamos como um irmão, um filho, alguem muito muito especial. Mas precisa ter cuidados para não exagerar.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi, Sissym. respeito é um valor universal. Quem o tem de verdade o demonstra em relação à todas as coisas, sejam seres humanos ou não. Talvez esse tenha sido o dia para que ele morresse. e se foi realmente porque correu demais tentando acompanhar o dono, que isto lhe sirva para que tenha consciência dos seus atos e mude suas atitudes. Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Todo mundo morre um dia. Pessoas e cães. Se ele pereceu, foi melhor que tenha perecido de velhice e feliz. Antes isso do que ter sido colhido por um veículo automotor.

    ResponderExcluir
  5. @Bia Hain: Bia, as razões da morte eu desconheço, apenas divaguei um pouco sobre o que vejo e não concordo.

    beijos e obrigada.

    ResponderExcluir
  6. @Eduardo Montanari: Certamente, Edu, aquela era a hora dele.

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá minha querida amiga Sissym, boa noite!!!
    Minha amiga, é sempre muito triste perder um animal, mês passado perdi meu boxer, já estava bem velhinho, que tristeza... Triste também quando presenciamos a morte de qualquer animal na rua, eles parecem tão indefesos... Acho que a gente se apega muito pelo amor que eles nos tem, um amor sempre incondicional... Concordo com você, eles também possuem as suas limitações e devem ser respeitados...
    Tenha uma linda noite e um dia maravilhoso!!!
    Beijos e muita paz!!!

    ResponderExcluir
  8. Sy,

    Eu tenho um labrador preto. E fiquei com um nó na garganta, qdo li a notícia...

    Apesar de tudo... Os animais sempre maravilharão os humanos!!!

    bjos

    ResponderExcluir
  9. @Luis Eduardo Pirollo: Luis, o cachorrinho da vizinha adora a mim e a minha filha. Ele nos conhece pelos nomes. Impossivel não ama-los, mesmo que não sejam nossos!

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. @Mylla Galvão: Mylla, verdade, vc tem um fofo black, e eu fico com nó até por quem nunca vi antes.

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá Sissy!
    Já tive gatos e mais cachorros. Com gatos a gente tem responsabilidade, com cães a gente tem também de se comprometer, pois eles são mais apegados emocionalmente.
    Li algumas frases aí que eu mesma poderia dizer..tô mais pra cão.kkk...
    Há cães que seguem os donos na rua, mas eu também fico preocupada quando vejo cães correndo ao lado de bicicletas e já vi até ao lado de carro, acredita???
    Beijos. Boa noite!
    Vera Alvarenga.

    ResponderExcluir
  12. Oi, vim retribuir a visita e como vc tem vários blogues,passeei por todos eles rsrs e já virei seguidora.
    Ah, ver um animal morto assim, tenho muita pena também.
    Um beijão e bom final de semana,
    Sheyla.

    ResponderExcluir
  13. @Vera Alvarenga ...: Vera, acredito porque eu já vi tambem, e mais: atras de caçamba de pick-ups. Lembro que uma vez havia no acostamento em São Conrado um labrador, ele caiu de um carro...

    Se amamos, temos que ter responsabilidades, eles não sabem o que fazem, são como crianças.

    Bjs

    ResponderExcluir
  14. @SHEYLA - DMULHERES: Sheyla, eu comecei com 2 e já foram multiplicando! Bloggers dão filhotes de vez em quando! rsss

    BEIJOS

    ResponderExcluir
  15. Olá Sissy,

    Eu condeno fortemente estes abusos contra os animais, sejam domésticos ou não...

    Creio que (teoricamente) os racionais são os homens, então deveriam ver que animais não são dublês de humanos ou brinquedos...

    Abraço

    ResponderExcluir
  16. Descobri o seu blog pelo google, com o seu nome, por que não aparecia no perfil, estava lendo seus pensamentos, gotei muito. Bjs Eliane

    ResponderExcluir
  17. @Geraldo V Laps: Geraldo, depois deste episodio, vi tanta gente pedalando e levando seus pets, todos felizes porem correndo. Bom... cada pessoa racional pensa tao diferente....

    ResponderExcluir
  18. Olá!!!
    Obrigado pela visita.
    Estava vendo, você tem 4 blogs...
    Que coragem!!! rs

    Falando sobre seu post, que achei muito interessante, eu realmente acho um absurdo certas atitudes de certos humanos para com seus animais.
    Vi inúmeras vezes aqui alguns ciclistas correndo com seus labradores, raça muito comum por aqui.
    Durante alguns minutos, sejam eles mínimos, até acho que deve ser feito, para o dog se exercitar, mas um longo percurso, não é certo.
    Pelo menos eu acho.
    Vi uma certa vez na TV japonesa um teckel, como os meus, que precisava emagrecer e seu dono fazia isso e com o consentimento do veterinário.
    Mas, eram poucos minutos por dia, durante apenas 10 minutos e ainda numa velocidade baixa...
    Bom, é uma pena que os animais sofram ainda bela "ignorância" do homem.
    Abraxos.

    ResponderExcluir
  19. We had a dog in my family during 8 years and when he died we were so sad that my mother said she did not want to have another dog again. And it is true that we can get fond of our pets so much, because they are so caring and grateful and noble and they deserve all our respect for it, I can not understand people to harm them.

    Sissy, by the way, I have some problems with the translator in your blog, it is so, so slow that I can not get your post to be translated, so it is hard for me to understand all your words in the posts, do you have any idea to solve the problem?

    Muitos beijos!

    ResponderExcluir
  20. @Nieves: Nieves, eveybody one day had a pet! And they are as a family part!

    Nieves, I use the Google translator in my blog. I learned something cool the another day: I take the link of the news, and put into the translation box and ask Google Translate to convert, then the whole page is translated into the language I want.

    kisses

    ResponderExcluir
  21. @Nós Os Cachorros: As pessoas acham que todo mundo, até humanos, tem que seguir seus passos e suas ideias. Como se todo mundo fosse feito na mesma forma! Eu vejo mães andando depressa e puxando seus pequenos filhos, esquecendo que as perninhas são menores e a capacidade tambem.

    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Sissy your idea is great, I took the link to the Google translator and it worked! Thanks!

    ResponderExcluir
  23. Existe limitação para todo mundo e os animais não são diferente.
    Que você leve seu "amigo" para passear isso é essencial, mais fico realmente louca da vida quando vejo eses 'bosais' correndo na bicicleta ou correndo mesmo em calçadões segurando a correia, e o animal sendo rebocado por eles.
    Mais ser humano é asim sem 'noção'.
    Beijinhos de luz.
    Lua.

    ResponderExcluir
  24. @Lua Negra: Tem gente, querida amiga, que não se importa com limites de nenhuma especie.

    Beijinhos

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada