Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

domingo, 14 de março de 2010

Pecado e Poesia









É anseio... Sinta-me
deslize pelos lábios
 Sedentos... toque-me
os contornos sadios


Um verso assim maior
 para desnudar hoje
 quem sou sem pudor
 dos olhos nem se foge

Cometo pecado se calar
as minhas reais intenções
 o prazer de poder recitar
sensuais provocações

Escondo de dia a euforia latente
debaixo do vestido
olhar sorrateiro da volúpia
à noite, sou fera, é bramido

Não importa se chove
Verás as estrelas comigo
nas curvas a mão tange
 cada desejo sem destino

Como não provocá-los
através das poesias?!
O propósito é seduzi-los,
 acertando minhas setas!


(por Sissym)

"Não há ninguém,
mesmo sem cultura,
que não se torne poeta
quando o Amor toma
conta dele.
-Platão"





Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails Related Posts with Thumbnails

8 comentários:

  1. Eu não disse que vc era uma excelente poetisa? Tá linda esta e todas as outras que você faz. Adoro essa emoção dos poetas, que brincam com as palavras, transformando-as em sentimentos.

    Beijos, Sissy!

    ResponderExcluir
  2. Sis!

    Que lindo poema minha amiga!

    Será que você está enamorada de alguém???

    Só não cliquei no link porque dizia que era para maiores, e eu ainda preciso crescer... kkkkkkkk

    Adorei!

    Bjs.

    Ro.

    ResponderExcluir
  3. Sissy my dearest, I am seduced once again!! Wow! My mind is a drifting to a world 'under the wardrobe'. You are the most seductive poet today and everyday! You will always be my favorite. This wonderfully delicious poem by you is an excellent way to celebrate National day of Poetry!! I have to go take a cold shower, but I'll see you soon!! Love, Craig

    ResponderExcluir
  4. Estou com os dedos nos seus lábios sedentos.... Sabe o que vou fazer agora? Cair fora!!!

    Yes! Amei! Parabéns, Poeta Sissym*

    *****
    Pra vc* Cuidado, hein!

    *Sou mulher que encanta

    Qual flor

    Embalada

    Pelo vento

    Meus atrativos

    Presentes em todos os tempos

    Cintilam

    Tenho cálices redondos e rosados

    Formas curvilíneas

    Cheiros açucarados

    E sei fazer feitiços

    Que entretecem

    A vida

    Dos homens e das flores*

    Poema da Renata

    De repente, vai que a gente gosta e acostuma. O que é que eu falo lá pro homem???
    Beijos e Feliz Dia da Poesia!!!!

    ResponderExcluir
  5. Que Post Fantástico!
    AMIGA SISSYM
    Uma Poesia absolutamente, magnífica!
    Hoje, você está hiper inspirada!
    Parabéns por mais um lindo Post!
    Contagiou. Mexeu. Valeu.
    Abraços,
    LISON.

    ResponderExcluir
  6. A citação de Platão não conhecia. Pura verdade!

    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  7. Bela poesia, e a citação como complemento foi perfeita!

    ResponderExcluir
  8. Belo, belo, belo.
    Se uma sensualidade lírica quase que musical, quase que tangível e palatável. Adorei.
    Beijo grande.

    Ivan Bueno
    blog: Empirismo Vernacular
    www.eng-ivanbueno.blogspot.com

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada