Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

terça-feira, 23 de março de 2010

Casualidade

"O sexo é um acidente:
o que dele recebemos é momentâneo e casual;
visamos a algo mais secreto e misterioso
do qual o sexo é apenas um sinal, um símbolo.
-Cesare Pavese (poeta italiano)"










Quando a inspiração nos consome
o horário é louco como de agora
tempo único que logo se resume
nas palavras nascidas na aurora

Seria esse horário mais perfeito,
para se falar com alguém especial
que deveria estar ao lado direito
ao alcance da mão, coisa natural?

Talvez unir-se em noite enluarada
sem apertos de mãos ou doce abraço
só o desejo de adentrar madrugada
conversa alegre, luzindo ao espaço

Seduziremos a penetrante afinidade
captada nas entrelinhas do prazer
e requintada noção de sensualidade
nas fotografias e sonhos a escrever

É isso então, a virtual realidade
almas em estado de êxtase e vivem
pelo simples carinho e casualidade
de apenas dizer: - olá, tudo bem?!

(por Sissym)

Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails Related Posts with Thumbnails

13 comentários:

  1. Adorei amiga muito bonito o poema. Parabéns
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  2. Olá amiga Sissy!
    Como é bonito ver um texto apaixonado... aguardando o doce momento de trocar palavras, risos e pensamentos com quem se gosta.
    Nestes momentos tudo é inspiração.
    Adorei o texto querida.
    Beijo no coração, Fernandez.

    ResponderExcluir
  3. Hello Sissy my darling, Your poem transports me to a place in our minds. It is our secret place where only the language of love is spoken. I am always there when you want to find me. Love, Craig

    ResponderExcluir
  4. bela poesia, que bom vir aqui....
    e sentir num arrepio tua inspiração.
    Muito bom.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  5. Sissym,
    Concordo integralmente com o poeta italiano, amor é uma consequência das atitudes combinadas com o desejo casual e momentâneo.
    Esse secreto é bem descrito em sua poesia, quando fala do "desejo em adentrar madrugada / conversa alegre, luzindo ao espaço".
    Pra mim é sim. Vivemos pelo simples carinho e casualidade de um apenas "olá". De resto nos sobra a afetividade conquistada e reconquistada cotidianamente.

    Lindo e reflexivo!!!

    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  6. Olá Sissym!
    Eu nunca pensei que isto fosse possível!
    ou que alguém mais pudesse sentir desta maneira,uma alegria ingenua e este "desejo de adentrar madrugada conversa alegre"...
    Mas há o desejo também,que seja real, embora virtual.
    Nunca pensei que pudesse existir na alma algo que a faça viver, por este simples carinho, por este pouco prazer, mas que se for sentido e declarado como recíproco, se encontrar resposta, poderia tornar-se a luz do sol a iluminar, cada novo dia. Agora sei, que ainda sabia pouco sobre a alma humana e suas razões...
    Muito bonitos os dois poemas!
    Beijo,Vera.

    ResponderExcluir
  7. Seus versos Sissym estão transbordando em contornos literários.

    Já Cesare Pavese colocao Sexo de maneira bem superficial. Quando pela magia do sexo podemos chegar a outras esferas, ou a propria realização.

    Beijo pra vc.

    Hod.

    ResponderExcluir
  8. Qualquer hora é hora, pra se falar de amor, pra se praticar o amor.

    ResponderExcluir
  9. Que Post Fantástico!
    AMIGA SISSYM,

    Mais um Poema belíssimo que você foi buscar nos recônditos do coração. Magnífico.
    Parabéns por mais uma excelente Post!
    Abraços,
    LISON.

    ResponderExcluir
  10. Sissy
    Certas palavras são tão lindas.
    Por exemplo, a gente fala a palavra poesia, e parece que vai cantar uma melodia. Poesia, percebe? É um sopro musical e os versos soam como cânticos ao pé da orelha. Assim um poema sempre me dá a sensação de segredos contados baixinho, códigos da alma que nem todo mundo decifra porque precisa estar na mesma sintonia.
    Sim, não há dúvida, poesia é a linguagem das almas, a essência do ser.
    De alma para alma.

    ResponderExcluir
  11. Sissy
    Que lindo poema! Adorei!
    Um simples Olá faz a diferença!
    bjs
    joana

    ResponderExcluir
  12. qdo a inspiração nos consome, é porque a queremos, a desejamos...
    bonito poema, parabens pelo blog.
    Paula

    ResponderExcluir
  13. Olá minha querida amiga e fadinha Sis,

    Que lindo post.
    Um poema apaixonante e muito inspirador.
    Parabéns amiga. Bom final de semana!
    A paz do Senhor!
    Carinhoso e fraterno abraço,
    Lilian

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada