Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Violência dos pais


Um vídeo muito triste.

Denunciem sempre que souberem de abusos.

Especialmente dos psicológicos,
são silenciosos e rasgam a alma de qualquer ser...




Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails Related Posts with Thumbnails

10 comentários:

  1. Querida amiga. Não vou ver o vídeo porque sei da existência desses monstros. No blog do Seu luís tem um banner p/ o dia da prevenção contra a violência de crianças. Já coloquei no meu blog. bjs

    ResponderExcluir
  2. Sissym, já é cruel judiar de animais... o que se dirá então de maltratar crianças...

    ResponderExcluir
  3. Demais essa vídeo. A violência psicológica é a mais cruel pois vai corroendo a criança por dentro de uma forma covarde.
    Não dá pra entender como existem pessoas que tem a "covardia" para fazer isso.

    Beijo

    ResponderExcluir
  4. olá gostava de saber em que consiste este tipo de violencia,penso que sou vitima de algo parecido, o meu pai estame sempre a agredir verbalmente, ja me xegou a espancar se a minha mae n s puse-se a frente ele matava-me mas ai eu fiz asneira,agora estame sempre a berrar e a xamarme nomes e a dizer que me vai bater e ja me xegou a atirar com uma chave a cabeça em frente ao meu namorado...eu tenho 15 anos,sou obrigada a fazer tudo em casa para alem de estudar...ja pensei em fugir ...estou mesmo desesperada...que posso fazer??ajudem-me , ainda por cima temo pelo meu irmao que e uma criança---

    ResponderExcluir
  5. *além disso sei de roubos que o meu pai ja cometeu e ele só se tornou tao violento quando saiu da prisao em março...pf ajudem-me

    ResponderExcluir
  6. Xênia da Matta deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Campanha contra violência: alguém pede socorro!":

    Oi, querida jovem, a você que escreveu esse desabafo e esse pedido de socorro, quero falar diretamente com o seu coração aflito.
    Só existe uma pessoa que pode quebrar essa corrente, e essa pessoa é você. Você deve estar se perguntando por que eu digo isso assim tão naturalmente, logo a voce que tem sofrido tanto nas mãos de um pai violento e rude.
    Eu quero lhe dizer por que... Você é uma pessoa abençoada por Deus, Ele te ama, como filha predileta e Lhe dará forças para vencer essa batalha.
    A primeira coisa a fazer é procurar o Conselho Tutelar de sua cidade ou o ministério público. Deve pedir abrigo ao estado para você e seu irmão, pedir que façam um acompanhamento psicológico com seu pai, pois, você mesma reconhece que a prisão lhe fez muito mal. Talvez ele tenha sido muito torturado por seus colegas de cela ou pelo próprio sistema. Precisa também de ajuda.
    Não tema estar "traindo" seu pai, ninguém vai pedir que deixe de amá lo apesar de tudo que ele tem feito. Ele também pode, deve e merece mudar, por você e por sua família.
    A única coisa que você não deve fazer é aceitar que essa situação se prolongue mais.Dê um basta. Mas, brigar com ele, desobedecê lo só o tornará mais agressivo com você e sua família.
    Eu tenho certeza de que uma garota de 15 anos como você, que está enxergando a violência, pode vencê la.
    Estarei torcendo por você. Se precisar conversar com alguém me adicione no msn xeniadamatta@hotmail.com eu estarei esperando para lhe orientar no que for possível.
    vai lá, a vitória espera por você.
    Fique com Deus.
    Bjux e sucesso nessa jornada.

    ResponderExcluir
  7. Estimada "anonima", já solicitei ajuda aos amigos da blogosfera para tentar lhe ajudar e fiz outra postagem exclusiva para voce:

    http://masquerade-sissym-blog.blogspot.com/2009/10/campanha-contra-violencia-alguem-pede.html

    Talvez dicas venham a ser dadas lá na nova postagem.

    Coragem!

    ResponderExcluir
  8. obgada por tudo...vou ver o que consigo enfrentar

    ResponderExcluir
  9. Querida anonima, fugir só te levará a outras formas de violência. Recomendo que você procure logo o Conselho Tutelar da tua cidade. Relate o que ocorre em casa.Não precisa ter medo de procurar ajuda, você será tratada com respeito e por ética terás garantida a tua privacidade. Os conselheiros saberão como te ajudar, dando o devido encaminhamento do caso. Certamente a família será auxiliada nesse momento. Mas não espere, não se cale diante da violênca.
    Um grande abraço e te desejo coragem nessa hora.

    ResponderExcluir
  10. obrigada por tudo ...foram muito simpaticos e ajudaram-me muito, hoje pedi auxilio a minha professora de moral ...ela vai-me ajudar...obrigado por tudo e a todos, nunca vos vou esquecer, pois foi aqui que recorri em desespero...<3

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada