Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

sábado, 7 de março de 2009

Continuidade


Eterna
Eternidade
Foi de lá que eu vim
de um lugar chamado Paraíso

Eterna
Eternidade
A origem de nossas vidas
de um lugar chamado Passado

De frágeis sempre chamadas
De sexo frágil nos músculos
e nos sentimentos adocicados
Só porque no Paraíso mordemos
e morremos para a eternidade

Bobagem,
Existe a Continuidade
E felizmente, somos mortais
Lembranças marcantes deixamos
no passado e marcaremos
nosso sangue para a Posteridade

Prometidas
Muitas foram Vendidas
Tão jovens algumas casaram
E quando meninas-moças
deixaram de brincar.

As brincadeiras de bonecas
viraram casinhas de concreto
ganharam seus próprios tetos
e tornaram-se nossas
...avós

Guerreiras
Vencemos batalhas nos dias de ontem,
nos dias de hoje fizemos e somos
glórias e gloriosas nos dias de amanhã

Pois de nossos ventre nasceram
bravos Homens guerreiros
Gênios de todas as matérias
Matérias etéreas
Escritas e memoráveis

Homens sábios
Sabedoria universal
Contribuintes da civilização
Urbanos, Rurais e Generais

Homens estes simples
Simples Governamentais
De nossos ventres nasceram
de A a Z todos voces
Fazendo parte da História

História minha e sua
Histórias universais
Registros em pedras ou lua
Registros em livros ou rua

Registro aqui a passagem
de todas as mulheres
no nosso Planeta Terra
que ontem fomos meninas
e hoje tornamos MULHERES

(Poema de Sissym)

Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails Related Posts with Thumbnails

Um comentário:

  1. Sissym, que linda poesia e quão profunda...

    Nossa, uma poesia que me fez esquecer, por minutos, o quão estou magoada com meu amado.

    Abraço, amiga.

    Lena

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada